Actividades do Mês
  • Por terras do Vez

    (Arcos de Valdevez)

    O núcleo megalítico do Mezio

    • Integrado no grande conjunto de monumentos megalíticos conhecidos por "Antas da Serra do Soajo", Monumento Nacional desde 1910, o núcleo megalítico do Mezio incorpora cerca de uma dezena de monumentos, distribuídos por uma pequena zona planaltica de aproximadamente 2 Km, favorecendo deste modo a visita e consequente contacto com exemplares únicos destes espaços funerários pré-históricos.

    A aldeia do Soajo

    • Com grande notoriedade nacional, o povo, a cultura e as condições naturais, transformaram o Soajo num apetecido destino turístico. É um aglomerado populacional centrado em redor de uma praça para a qual convergiam outrora, todos os caminhos e ruelas do sitio. É um curioso urbanismo radial, com leque mais amplo para Sul e para a mancha dos campos e ruelas, cheias de cotovelos, ainda hoje mais passeadas pelos animais e aves de capoeira que pelos homens. 
    • A praça da aldeia do Soajo é presidida por um pelourinho, o qual está classificado como Monumento Nacional, com um simples esteio ao alto, muito próximo do habitual «tronco» do século XIII. É um monumento tosco, de enorme valor histórico e etnográfico - testemunho do tempo em que esta povoação serrana foi vila.
    • Os espigueiros, típicas construções de granito dispostas junto de uma eira comunitária servindo para armazenar as espigas de milho e protege-las dos roedores, revelam o incremento desta cultura a partir do século XVIII. Algumas formas de comunitarismo prevalecem ainda sobre os procedimentos modernos: A malha do centeio, a moagem do pão em moinhos comunitários, a sua cozedura em fornos do povo, as vezeiras em rebanhos comuns.

    A Casa Torre de Aguiã

    • Aguiã, Aguiam, Aguian e Aguião são, à partida, sucessivas versões duma mesma palavra que adquire um significado muito especial nos Arcos de Valdevez, onde simultaneamente é o nome de uma antiquíssima Quinta, de uma Família, uma Casa e uma Torre, mas também da Freguesia que, sendo o seu berço, ao longo da História com ela se vai identificar.
    • Aqui é produzido o Aguião, um excelente vinho Tinto típico do concelho de Arcos de Valdevez, elaborado com base na casta Vinhão (a 100%, ou de mistura com Borraçal), segundo os processos seculares de curtimenta em lagar de pedra e pisada tradicional.

     

    Programa

    • Partida dos Arcos de Valdevez em direcção ao Parque Nacional da Peneda-Gerês
    • Visita ao núcleo megalítico do Mezio
    • Almoço típico no Soajo
    • Visita à vila do Soajo e aos espigueiros
    • Regresso aos Arcos de Valdevez
    • Casa e Torre de Aguiã: visita ao imóvel, prova de vinhos e merenda com produtos tradicionais da região.

 

Ficheiros para Download:
  • Como chegar Download PDF 123 KB